A vingança pertence ao Senhor!

Inclina, ó Senhor, o teu ouvido, e ouve; abre, Senhor, os teus olhos, e vê;(Isaías 37:17a) e direciona teu olhar em minha direção, veja o quanto estou indignado com o que tenho visto e vivido!

 

Estou pasmo com a impunidade com que alguns são tratados diante de seus malefícios, não posso conceber a idéia de tranquilizar-me enquanto vivem praticando a maldade e expondo-nos ao ridículo nível de humilhação. Já não há quem trabalhe que sinta segurança de poder tornar ao teu próprio lar, há impunidade por todos os lados; nossa justiça é como trapo de imundícia e ao pedir socorro não podemos confiar em ninguém!

 

Eu “elevarei meus olhos para os montes, de onde me virá o socorro.(Salmos 121:1) pois o sentimento é de sítio, ódio e repúdio a violência em qualquer nível e espécie; vivemos entre grades enquanto livremente circulam os ímpios, eles maquinam o mal e o executam em plena luz do dia. Foi-se a segurança de até mesmo de tornar para nossos lares.

 

Ninguém está isento da fúria maléfica e destruidora do inimigo. Somos tidos “como ovelhas que vivem em meio aos lobos(Lucas 10:3b), somos escarnio dos ímpios que com suas atitudes maldosas e impunes zombam de ti.

 

Somos “odiados por causa do teu nome(Mateus 24:9).

 

O pânico está instaurado, todos são suspeitos, não há um que fuja do olhar do pré conceito julgativo : “bandido”!

 

Arrombam as fortalezas, fazem-nos reféns em nossos próprios lares, usam e instauram o medo ao usar a pressão psicológica. Sitio! Medo! Pressão! Em meio a ameaças levam a cabo de forma mirabolante os teus planos maldosos.

 

Usam as meninas de nossos olhos como escudo e os amedrontam vorazmente! Estão em trevas! Não podem ver a um palmo de seus próprios narizes, estão ligados nas coisas temporais e nas ferrugens que esse mundo consome lentamente.

 

Ao nos confrontarem e sitiarem não sabem que “somos a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido(1 Pedro 2:9a) e que “as portas do inferno jamais prevalecerão(Mateus 16:18c).

 

Não te conhecem, não sabem com quem estão lidando!

 

Ante todas as aflições, bem sabemos que “no mundo passaremos por aflições(João 16:33b) e que “muitas são as aflições do justo, mas o Senhor os livra de todas(Salmos 34:19).

 

Nosso consolo é saber que “com nossos olhos veremos a recompensa dos ímpios(Salmos 91:8), isso nos acalma pois tua Palavra nos diz “minha é a vingança e a recompensa(Deuteronômio 32:35a) pois és Tu mesmo quem os adverte dizendo “não toqueis os meus ungidos, e aos meus profetas não façais mal(1 Crônicas 16:22).

 

Alegra-nos saber que o “Senhor conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá.(Salmos 1:6).

 

 Resta-nos então o santo consolo que provém do Espírito Santo do Senhor que nos capacita a superar com hêsito todas as atribulações.

 

Quero dizer, Senhor que continuamos crendo em ti e que as tuas promessas – que não são poucas – se cumprirão cabalmente ainda nesta vida pois “o Senhor não é homem para que minta, nem filho do homem para que se arrependa(Números 23:19a).

 

Afirmo ainda, que malditos já são pois estão em trevas, não conhecem a divina luz. Não permita Senhor, peço-te que nossa luz jamais se apague e que possamos caminhar junto aqueles que professam a ti como Senhor soberano. Enquanto isso Senhor, “inclina-te, para ver o que está nos céus e na terra! Levanta o pobre do pó, e do monturo levanta o necessitado, para o fazer assentar com os príncipes, mesmo com os príncipes do seu povo.(Salmos 113:6-8).

 

Senhor “faz cessar as guerras até ao fim da terra; quebra o arco e corta a lança; queima os carros no fogo” (Salmos 46:9) e não te esqueças “levanta-te, Senhor; salva-me, Deus meu; quebra o queixo de meus inimigos; quebraste os dentes aos ímpios. A salvação vem do Senhor; sobre o teu povo seja a tua bênção.(Salmos 3:7-8).

 

Faze-nos fortes e “alegra-nos no fato de sermos participantes das aflições de Cristo, para que também na revelação da sua glória nos regozijemos e alegremos(1 Pedro 4:13).

 

“Os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atentos ao seu clamor. A face do Senhor está contra os que fazem o mal, para desarraigar da terra a memória deles. Os justos clamam, e o Senhor os ouve, e os livra de todas as suas angústias. Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado, e salva os contritos de espírito. Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas. Ele lhe guarda todos os seus ossos; nem sequer um deles se quebra. A malícia matará o ímpio, e os que odeiam o justo serão punidos. O Senhor resgata a alma dos seus servos, e nenhum dos que nele confiam será punido.” (Salmos 34:15-22)

 

Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?(Romanos 8:35).

 

Senhor, continuo te adorando e servindo “porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada(Romanos 8:18)

 

Pr.Marcelo Gonçalves

Sobre Nilson MAC Ribeiro

Eu amo Jesus! Eu e minha casa serviremos ao Senhor!

Publicado em outubro 17, 2008, em Estudos do MAC e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Preciso muitissimo de oraçao e da presença e defesa de Deus. Orem por mim, por favor, ajudem-me.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: