O DESÂNIMO DA SEGUNDA-FEIRA

O DESÂNIMO DA SEGUNDA-FEIRA
Artigo postado em 15/09/08 – 11-09-24

MEDITE: Por isso os meus lombos estão cheios de angústia; dores se apoderam de mim como as dores daquela que dá à luz; fiquei abatido quando ouvi, e desanimado vendo isso. Isaias 21:3

Hoje levantei tarde, com muita preguiça e desanimado, e sem perceber, de uma hora para outra toda aquela energia, idéias, tudo desapareceu, já estou acordo e cansado, sem vontade de levantar da cama. Talvez você tenha dificuldades para se levantar da cama na segunda-feira. Geralmente no domingo à noite aparece o desânimo, você começa a sentir tristeza, angústia, irritabilidade e mal-estar já no início da noite de domingo. Todo mundo que trabalha ou trabalhou na vida conhece essa terrível falta de motivação que ocorre depois do final de semana na volta para o trabalho. Em geral, explicamos o desânimo da segunda-feira comparando o trabalho enfadonho ao alívio do final de semana.
As vezes, é verdade. Porém, com freqüência as pessoas ficam de sexta a domingo sem gerar nenhum relacionamento ou amizade. Elas vão à igreja, cada um, jogam bola, vão ao shopping e a praia, lavam o carro, cuidam do jardim, faz uma faxina geral na casa, mas não compartilham nenhum momento de intimidade com os outros. Certamente, não era isso que Deus pretendia quando instituiu o dia de descanso. Os relacionamentos são vitais, e o próprio Jesus adorou em comunhão com outros no dia de descanso (Lc 4:16).
O desânimo de segunda-feira nem sempre tem a ver com o trabalho enfadonho. Ele pode surgir devido ao esgotamento causado pela falta de relacionamentos verdadeiros e vitais em nossas vidas.
Às vezes enfrentamos algumas situações chatas, ou um chefe que vive de mau humor, enfim qualquer coisa pode nos fazer desanimar. Muitas vezes nem sabemos qual o motivo de termos desanimo. De repente, começamos a falar mais duro, a economizar sorrisos e a fazer exigências. Tudo sem nos darmos conta de que, assim, o amor acaba. Há outros fatores que traz desânimo na segunda-feira, como por exemplo: final de semana de televisão sempre ligada, interagindo mais do que os relacionamentos familiares. Ou um dos cônjuges dormindo sozinho no quarto, enquanto o outro não sai da frente do computador. Quando imagens como essas se tornam corriqueiras, o relacionamento já mergulhou na acidez. A gente percebe os sinais. Sentimos que falta tempo, vontade e dedicação, mas, muitas vezes, não chegamos a acreditar que o relacionamento esteja correndo perigo. Ficamos acostumadas com a falta de doçura, e a frieza instala-se no ambiente como se fosse um móvel da
sala. “Quando o relacionamento está naufragando, a tendência é buscar um bote salva-vidas e tentar achar o pote de mel perdido. Nesse momento, alguns embarcam numa canoa furada, então passa a viver o desânimo de segunda-feira.
PENSE: “O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.” (Willian George Ward)
ORE: Senhor!, Te agradeço pelo dia de hoje, ajuda-me a encontrar ânimo e a viver a vida conforme Tu queres. Em nome de Jesus. Amém!
ASSISTA O VIDEO: Indo trabalhar na segunda-feira:
http://videolog. uol.com.br/ video.php? id=151890

Com Carinho
Rev. Ashbell Simonton Rédua
Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil

Sobre Nilson MAC Ribeiro

Eu amo Jesus! Eu e minha casa serviremos ao Senhor!

Publicado em setembro 15, 2008, em Desanimo, Segunda-feira. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: