APRENDENDO A LIDAR COM AS “PERDAS ESPIRITUAIS

Olhar

APRENDENDO A LIDAR COM AS “PERDAS ESPIRITUAIS”

 APRENDENDO A LIDAR COM AS “PERDAS ESPIRITUAIS”

Sérgio Leoto

“Quanto a mim, bom é estar junto a Deus; no Senhor Deus ponho o meu refúgio, para proclamar todos os seus feitos” – Salmo 73:28.

Este, em minha opinião, é um dos versículos mais preciosos da Bíblia! Daqueles que precisamos decorar e repassar na mente, para jamais esquecer! Mas existem momentos na vida cristã, em que estamos muito mal e não fazemos uso dele.

Os problemas são tantos, as situações são tão desgastantes, que somos tentados a achar que NEM DEUS pode resolvê-las. Nosso “stress” é tão grande, que NÃO QUEREMOS estar junto a Deus, nem fazer dEle o nosso refúgio e MUITO MENOS pregar aos outros os feitos do Senhor, como diz o texto.

As origens dos abalos que sofremos, podem ser absolutamente humanas, mas nossa vida espiritual acaba sendo afetada. Sentimos que, como planta sem água, estamos ficando cada dia mais SECOS. E quando nos isolamos do Senhor, acumulamos PERDAS ESPIRITUAIS.

Alguns exemplos de perdas espirituais são: enfraquecimento na fé; fortalecimento de um espírito crítico contra os irmãos em Cristo; incapacidade de reconhecer os próprios erros; a raiz de amargura; desconfiança de que as promessas bíblicas sejam verdadeiras e possam ser realizadas; ao invés de termos a Deus como SOLUÇÃO dos problemas da vida, passamos a criticá-lO e culpá-lO por todo o mal que nos acontece.

 

A passagem bíblica acima, foi escrita por Asafe e representa o “final feliz” de um drama, relatado através do Salmo 73. Ele viveu uma crise pessoal e sem perceber cultivou suas perdas espirituais. Entretanto voltou-se para Deus, que amorosamente o acolheu. O salmista confessa que passou por momentos tão terríveis, que quase saiu do caminho dos que agem corretamente, para agir como os que vivem “mergulhados” na prática de coisas erradas.

A Palavra de Deus é maravilhosa, por mostrar a verdade nua e crua, pela qual passam seus escritores. Alguns deles descrevem momentos de “vitórias e triunfos” (p. ex.: Moisés libertando o povo das mãos do Faraó), mas outros passam por “abismos e derrotas” fantásticas (p. ex.: Davi e seu pecado com Bate-Seba), ainda que se arrependam e voltem à prática do que é certo !

O Criador quis que fossem registradas, tanto as experiências alegres, quanto as frustrantes. A verdade do que aconteceu, sem encobrir, sem esconder, sem dar a falsa idéia de que “os servos do Senhor não passam por problemas”. O testemunho dos escritores bíblicos, tem a função de comunicar que “a Graça do Senhor está disponível”, a seres humanos falhos e imperfeitos como nós.

É muito bom saber que mesmo sendo falhos, o Senhor se interessa por nós ! A Bíblia não foi escrita para quem se acha “perfeito e sem problemas”, pois foi o próprio Jesus que afirmou : “os sãos não precisam de médico”. Quem se acha tão bom, não caiu na realidade de que “TODOS carecem da Glória de Deus” !

QUAL FOI O PROBLEMA DE ASAFE?

Pode ser que você, em algum momento de sua vida, já tenha se identificado com o problema de Asafe. Ele estava furioso, por perceber que os ímpios (aqueles que não andam como Deus quer) tinham sucesso e prosperidade ; por sua vez, os que tinham coração puro (os que fazem a vontade do Senhor) acabavam sofrendo diariamente.

A descrição que Asafe faz destas pessoas ímpias é bem detalhada e creio que se aplicaria a muitas pessoas, nos dias de hoje. Eles eram :

  • Arrogantes (v. 3) – pessoas insolentes, atrevidas, que usam num mal sentido o orgulho e a altivez.
  • Soberbos (v. 6) – presunçosos, pois agiam como se estivessem sempre “acima dos mortais”.
  • Violentos (v. 6) – usavam a força, a coerção, o constrangimento físico e moral, a grosseiria, como prática normal de seu dia-a-dia (no trabalho, com a família etc). A passagem menciona “vestir-se com a violência”.
  • Maliciosos (v. 7, 8) – pessoas de má índole, astutas, manhosas, que usavam de esperteza, para enganar os outros e levar vantagem.
  • Opressores (v. 8) – causavam prostração, humilhação, coagindo, forçando outras pessoas para que fizessem o lhes interessava, de forma impositiva e ditatorial.
  • Maldizentes (v. 9) – isto é, amaldiçoavam, praguejavam, blasfemavam, ultrajavam tanto a Deus, quanto aos homens.

Apesar destas “qualidades”, sabem que RESULTADOS eles estavam conseguindo? Veja: não tinham tantas preocupações (v. 4) ; tinham corpos sadios (v. 4) ; não se cansavam por trabalhar demais, como as outras pessoas (v. 5) ; o povo em geral, sentia inveja e queria ser como eles (v. 10) ; acreditavam que poderiam enganar até mesmo a Deus (v. 11) ; despreocupados, continuavam aumentando a sua riqueza (v. 12).

O SENTIMENTO DE ASAFE

O que lemos acima é revoltante, não é mesmo? Creio que eu e você poderíamos ter reações parecidas com as de Asafe. Os vs. 13 a 16 mostram todo o seu desânimo e desapontamento :

“Será que foi à toa que eu me esforcei para não pecar e permanecer puro ? Vejam qual foi o resultado : sofrimento e problemas durante toda a vida ! Se eu tivesse realmente dito essas coisas, seria um traidor do povo de Deus. Mas realmente é muito difícil entender esse fato – o sucesso de pessoas que desprezam a Deus !” (Bíblia Viva).

Talvez possamos interpretar as dúvidas do salmista : “Será que eu PERDI meu tempo, confiando em Deus ?”, “Será que fui um IDIOTA, agindo corretamente durante toda a minha vida ?”, “O que eu ganhei obedecendo ao Senhor ?”, “Será que gastei minha vida INUTILMENTE andando nos caminhos de Deus ?”.

Asafe era reconhecido como um homem dedicado à adoração ao Senhor. O próprio Davi o tornou chefe do grupo que liderava o louvor (1Cr 16:4-5). Foi reconhecido até como vidente (2Cr 29:30). Sua vida tinha se tornado exemplo até para seus filhos, que seguiram seus passos e também se tornaram líderes na adoração (1Cr 25:1-2). Apesar de toda esta “folha corrida” de bons serviços prestados, aquelas dúvidas atormentaram até mesmo a este homem de Deus !

O salmista confessa que não podia nem mencionar estas dúvidas, pois temia ser mal interpretado, considerado um traidor ou herege, no meio de sua comunidade. Pressionado, ele só vê uma saída: CORRER PARA PERTO DE DEUS ! (v. 17 “até que entrei no santuário de Deus, e compreendi o destino dos ímpios”). Na presença do Senhor, ele honestamente ABRE O SEU CORAÇÃO e derrama todas as suas indignações e queixas !

Através dos versículos que se seguem e pela atitude demonstrada por Asafe em todo o Salmo, percebemos que ao entrar na presença de Deus, o Senhor lhe dá uma nova visão sobre o problema, sobre si mesmo e sobre deus.

UMA NOVA VISÃO SOBRE O PROBLEMA

Os vs. 18 a 20, mostram que o Senhor tranqüiliza ao salmista, quando mostra que O PECADO NÃO FICARÁ IMPUNE. Deus fará isso, porque Ele é JUSTO !

“Certamente os pões em terreno escorregadio e os fazes cair na ruína. Como são destruídos de repente, completamente tomados de pavor ! São como um sonho que se vai quando acordamos; quando te levantares Senhor, tu os farás desaparecer ” (NVI).

Inúmeras são as passagens, através de toda a Bíblia, em que o Senhor garante o Seu carinho pelos justos e o Seu desprezo pelos que insistem em promover o mal. Mas uma delas se destaca : 1Pe 3:12 – “Porque os olhos do Senhor repousam sobre os justos, e os seus ouvidos estão abertos às suas súplicas, mas o rosto do Senhor ESTÁ CONTRA aqueles que praticam males”.

A nova visão sobre o problema, que Deus dá a Asafe, mostra que:

TUDO o que os ímpios fazem, está sendo observado por Ele. Ninguém pode enganá-lO !

  • O Senhor não permitirá que o pecado fique impune, por causa da SUA JUSTIÇA.
  • A punição de Deus, virá quando nem os ímpios e nem os justos esperarem. Será de repente e quando Ele achar que é o tempo certo!
  • Como acontece em terrenos escorregadios, os ímpios vão TENTAR, mas não vão conseguir ficar em pé !
  • Ficarão apavorados e aterrorizados, com o castigo de Deus.
  • Os ímpios se acham tão poderosos, mas Deus se livrará deles TÃO FACILMENTE, quanto acordar de um sonho.

UMA NOVA VISÃO SOBRE SI MESMO

É bem provável, que o salmista tivesse um conceito próprio bem elevado. Afinal era um líder, reconhecido em sua área de atuação, como um dos melhores que existia. Sendo esta área a de “Adoração a Deus”, pode ter avaliado que entrar na presença do Senhor, mais uma vez, não lhe traria tantas novidades. Que engano ! Deus lhe daria uma nova visão sobre si mesmo !

Ao entrar na presença de Deus, Asafe encarou sua própria vida e achou-se em falta diante do Senhor. Os vs. 21 e 22, 2 e 3 revelam um pouco do que ele viu :

“Quando meu coração ficou revoltado contra Deus, as minhas emoções entraram em guerra dentro de mim; agi como um irresponsável, como um louco ignorante diante de Ti. (…) Eu quase tropecei e caí. Por pouco abandonei o caminho certo. Meu problema é que eu tinha inveja dos orgulhosos, vendo o sucesso e a felicidade dos maus” (Bíblia Viva).

Nesta nova visão sobre si mesmo, Deus revela que :

Não adianta reclamar do erro dos outros, sem antes sondar e reavaliar suas próprias atitudes.

  • Seu afastamento do Senhor, estava lhe causando um retrocesso como ser humano e como servo de Deus.

A decepção foi muito grande! Nem ele mesmo acreditava, que conseguiria agir de forma tão baixa, ao tornar-se um INVEJOSO dos que praticam o mal. Achou-se : IRRESPONSÁVEL, LOUCO e IGNORANTE. Algumas traduções usam as palavras INSENSATO, EMBRUTECIDO e IRRACIONAL (isso mesmo : um animal irracional !).

O objetivo de Deus, ao mostrar como estava o seu coração, não era “esmagar Asafe, por ser tão pecador”. O Senhor quis promover a oportunidade de ARREPENDIMENTO e RECONCILIAÇÃO com Ele. Este não é um privilégio oferecido apenas ao salmista : Deus sabe do potencial de seus filhos (até dos que caem) e anseia pela reconciliação com Ele. 1Jo 1:9 – “Se confessarmos os nossos pecados, Ele (Deus) é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda a injustiça.”

UMA NOVA VISÃO SOBRE DEUS

Ao entrar na presença do Senhor, Asafe começou a ter uma nova visão sobre Ele. Quem sabe o salmista já conhecesse a Deus, mas apenas de maneira litúrgica ou formal. O Criador quer ser íntimo daqueles que O temem (Sl 25:14 – “A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança”).

Foi assim que Asafe começou a desfrutar da CERTEZA de que o Deus é bom, é fiel e manifesta amor, mesmo quando não percebemos isso ! Passou a RECONHECER que o Senhor esteve com ele, nos bons e nos maus momentos de sua vida. Convenceu-se de que não há NADA e NINGUÉM mais precioso que o Senhor !

“E apesar de tudo isso, Tu estavas sempre a meu lado, segurando bem firme a minha mão direita. Tu me guiarás com a tua sabedoria durante esta vida e depois me receberás ao teu lado, na glória. Quem mais, além de Ti, eu posso considerar como Deus ? Ninguém ! Aqui na terra, o que eu mais desejo é a tua presença. Minha saúde pode acabar, meu coração ficar doente, mas Deus é a fortaleza do meu coração. Ele é a minha eterna riqueza !” (Sl 73:23-26 – Bíblia Viva).

E foi neste contexto, em que o autor declarou : “Quanto a mim, bom é estar junto a Deus; no Senhor Deus ponho o meu refúgio, para proclamar todos os seus feitos” – Sl 73:28.

E você, como está ? Sente-se sente SECO espiritualmente, como planta sem água ? Está acumulando ou cultivando suas próprias PERDAS ESPIRITUAIS ? Já é hora de mudar ! Faça como Asafe : CORRA PARA DEUS ! Entre na presença do Senhor, AGORA MESMO ! Ele vai acolhê-lo, cuidar dos seus temores e lhe dar UMA NOVA VISÃO sobre seus problemas, mostrando o caminho a seguir, sobre si mesmo para que você perceba o que precisa mudar e sobre Deus para que, ao conhecê-lO profundamente, não esqueça que Ele é a SOLUÇÃO e jamais o problema !

Chega de PERDAS! Desfrute das bençãos daqueles que são íntimos de Deus!

Publicado no site de Sérgio e Magali Leoto (http://www2.uol.com.br/bibliaworld/smleoto/workshop/lid030.htm)

Extraído do Site: http://www.ebdweb.com.br

Sobre Nilson MAC Ribeiro

Eu amo Jesus! Eu e minha casa serviremos ao Senhor!

Publicado em abril 4, 2008, em perdas_espirituais. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: